Lição da vida

Desde 2006 eu nunca mais coloquei os pés numa igreja. Isso depois de muitos anos frequentando várias delas. E desde 2006 que também não converso mais com Deus. Nunca mais fiz uma oração. O que mudou na minha vida? Nada. Tudo continua caminhando como sempre caminhou. E talvez até tenha melhorado. Depois que deixei a igreja concluí um mestrado e um doutorado, tive uma linda filha, fiz viagens maravilhosas, publiquei dois livros… Ah, sim, esses anos me fizeram muito bem! E digo mais: acho que sou mais feliz hoje do que era antes. Então pergunto a todas as pessoas cristãs que conheci na vida: como isso é possível? Eu me retirei do “ambiente de bênçãos”, deixei de pagar dízimos e dar ofertas, parei de buscar a Deus, passei a criticar os cristãos por sua crença sem fundamento… e tudo continua maravilhosamente bem. Mais! Tudo está bem melhor!

Diante de um desafio ou um problema qualquer, não peço mais a força de Deus. Eu passei a falar comigo mesmo: “Eu posso e farei!”. E faço! Diante do desconhecido e do frio na barriga, diante da vulnerabilidade e da doença, não peço mais ajuda a Deus. Eu digo comigo mesmo: “Enfrentarei! E que a vida siga o seu curso!”.

Não preciso de ajuda externa. Eu me viro. O que governa a vida são as contingências e a nossa competência em lidar com elas. Só isso. Adicionar mais pra quê? Adicionar sem necessidade, clamar por uma ajuda externa, isso tudo é covardia, moleza, é fuga, é preguiça. Ah, como cresci como ser humano quando descobri que sou independente e tudo posso se tenho ânimo, vontade e disposição! Só isso. A vida é simples. Enfrente-a. Não fuja dela. Complicar pra quê?

4 Respostas to “Lição da vida”

  1. Alan Zamboni Says:

    Parabéns meu caro!!
    Que vc continue com este árduo, porém, gratificante trabalho de expressar a verdade.

    Abs.

    Alan Zamboni
    Sorocaba/SP

  2. Hugo de Melo Says:

    Talvez você tenha deixado de crer em Cristo para crer em outro ‘deus’… você mesmo. Decisão delicada.

  3. Tiago Says:

    Se for, ao menos é um deus cognoscível, e não um imaginário. Penso, logo existo! Optar pelo outro é que é delicado.

  4. Terezinha Machado Says:

    Você conheceu a Jesus e viveu com ele o Espírito Santo habita em você…uma x filho sempre filho…e Deus te ama e quer o seu melhor…Porque mudaria?Deus não é carrasco e punidor e sim amor!!! O que faz mudar nossa vida são nossas escolhas…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: